O que comer antes do treino?

O tipo de alimentação que fazemos diariamente é muito importante e fundamental para que consigamos alcançar os objetivos a que nos propomos, mas a alimentação pré treino é aquela que vai interferir diretamente com a performance do mesmo. Logo, é muito importante que antes de cada treino, optemos por fazer uma seleção do que devemos ou não comer, para que o nosso desempenho não fique comprometido.

comer antes de treinar

Que alimentos escolher?

Importante ter em atenção que devemos ingerir alimentos que facilitem a digestão, uma vez que fazer exercício físico com a digestão por fazer poderá não correr muito bem, logo a partir desta perspectiva, devemos evitar as fibras, gorduras e laticínios (alimentos de digestão lenta). Antes de passarmos para o que devemos comer, é fundamental lembrar que a ingestão de água ao longo do dia é imprescindível, devido às perdas de água que vamos sofrendo ao longo do dia, evitando assim a desidratação.

O objetivo da alimentação pré treino é servir de energia para a prática do exercício físico, evitando a fadiga e elevar ao máximo o nosso desempenho, e como tal, o ideal será optar por alimentos ricos em hidratos de carbono de qualidade (fruta, tostas integrais, vegetais, barras de cereais…), proteína magra e gordura vegetal saudável.

Dependendo do tipo de treino que se vai fazer, podemos ingerir mais ou menos alimentos ricos em proteínas (frango, ovos, peixe…), mas lembrar que a finalidade desta é no auxílio do crescimento e reparação muscular (ganhar massa muscular).

Quanto tempo antes devemos comer?

Como já referimos, é fundamental ir para o treino com a digestão feita, por isso, o ideal seria comer entre 1 a 2 horas do treino. Lembrar sempre que a refeição deve ser leve para que não interfira com a nossa performance, mas rica o suficiente para que seja utilizada como fonte de energia.

Mas se não tivermos muito tempo e tivermos que treinar em pouco tempo, o aconselhável é optar por lanches mais leves como fruta e pão integral.

Devemos, no entanto, ter em atenção que no caso de treinos após as refeições principais (almoço e jantar), o intervalo que garante que a digestão seja feita por completo são 4 horas, contudo, não é aconselhável treinar em jejum, uma vez que dessa forma, serão as reservas do nosso próprio corpo que servirão como fonte de energia.

No caso de treinos de grande intensidade, podemos reforçar a nossa alimentação com algo simples 30 minutos antes.

Podemos então resumir esta questão com base em estudos científicos que nos dizem que o consumo de hidratos de carbono antes do treino aparenta melhorar a performance, contudo o consumo de proteína não parece ter qualquer efeito nesta questão, se o consumo de hidratos for o adequado.Por isso lembre-se, se vai treinar, coma pelo menos uma barra de cereais ou uma peça de fruta! A sua performance depende da sua escolha alimentar!

Leave a Reply