A importância de um bom pequeno-almoço

A sabedoria do povo não dá espaço para dúvidas: “Pequeno-almoço de rei, almoço de príncipe e jantar de pobre”! Saltar o pequeno-almoço ou beber apenas café é um erro muito comum. O pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia. Deve ser a principal fonte de calorias do dia. Passamos cerca de 8 horas a dormir.

Pequeno almoço Saudavel

Ora se jantarmos às 20h, nos deitarmos às 23h e nos levantarmos às 7h passamos 11h sem comer. Depois de tantas horas, a primeira refeição do dia deve encher-se de pompa e circunstância, isto é, deve ser o mais rica e variada possível. Lembre-se que é com o pequeno-almoço que enfrenta as primeiras e, por vezes, maiores exigências do dia.

Se dúvidas tiver, vamos ao termo inglês breakfast que significa breaking the fast – quebrar o jejum. Muitos estudos são claros em relação aos prejuízos de se saltar esta refeição. Um estudo longitudinal efetuado pela Universidade de Harvard e dado a conhecer em 2013 concluiu que, os homens que saltam o pequeno-almoço aumentam em 27% o risco de sofrer um ataque cardíaco ou de morrerem por uma doença cardíaca. O estudo envolveu 27 mil participantes.

Nesse mesmo ano, na Universidade de Minnesota, um estudo deu a conhecer que as pessoas que tomam regularmente pequeno-almoço têm menor risco de vir a sofrer de obesidade, pressão arterial elevada e diabetes.

O seu pequeno-almoço deve incluir uma peça de fruta (pode substitui-la por um sumo natural), lacticínios e hidratos de carbono (por exemplo, um pão com manteiga). Pode enriquecer esta refeição com sementes (como sementes de linhaça entre outras).

Leave a Reply